Originalmente, os Terena habitavam o estado do Mato Grosso do Sul. Hoje, estão divididos em 16 terras indígenas e também podem ser encontrados nos estados do Mato Grosso e São Paulo. . A luta pela demarcação é constante, pois ainda existem terras que não foram demarcadas. De acordo com levantamento da Funasa, em 2009, existiam 24.776 indígenas da etnia. A origem dos Terena é paraguaia e acredita-se que eles tenham chegado ao Brasil em 1760, devido aos conflitos com espanhóis. Essa movimentação durou até meados do século XIX. Os Guaná - como eram chamados os Terena quando fizeram esta travessia - passaram um período sem contato com homens brancos devido a resistências dos indígenas. Uma aproximação mais intensa só ocorreu anos depois com a guerra entre Brasil e Paraguai. O território dos Guaná estaria na fronteira entre os países e eles optaram por defender suas terras junto ao Brasil. Depois desse episódio, os grupos foram se dividindo e assim surgiu o grupo indígena Terena e o crescente contato com os não-indígenas brasileiros. Falam a língua Terena da família Aruak, e o português também é muito usado. Se autodenominam Terena e esse nome está em registros históricos sem derivações. Os Terena possuem forte relação com os curandeiros, que em rituais específicos passam a noite cantando e buscando contato com espíritos guia para ter boas colheitas e afastar feitiços. Para essas cerimônias, eles se adornam com pinturas de jenipapo e urucum e maracás (espécie de chocalho). Outro marco cultural dos Terena é a dança do bate-pau ou dança da ema, onde os homens são enfileirados em dois grupos e dançam com seus bastões ao som do pife e tambor. Essa prática só é realizada em momentos festivos na aldeia e as mulheres podem acompanhar, porém, sem os bastões. Os homens se adornam com saiotes e cocares feitos com pena de ema e as mulheres usam roupas de juta, com grafismos nas cores tradicionais. O vermelho representa o sangue, o preto simboliza o luto e o cinza, a liberdade. Já participaram de 10 edições dos jogos e sua principal participação é no arco e flecha e nas danças.

POVOS

MODALIDADES INSCRITAS